Bando traz Cabaré da Rrrrraça de volta

postado por Cleidiana Ramos @ 2:40 PM
18 de julho de 2011

Jamile Alves e Jorge Washington em Cabaré da Rrrrraça. Foto: Bando de Teatro Olodum/Divulgação

Boa notícia: Cabaré da Rrrrraça, do Bando de Teatro Olodum está de volta ao Teatro Vila Velha. O espetáculo vai ser encenado nos dias 22, 23, 24, 29, 30 e 31 deste mês  e em 5,6, 7, 12, 13 e 14 de agosto. Sempre às 20 horas no Teatro Vila Velha.

A peça, que une música e dança, discute a questão racial com humor, contundência e também toques polêmicos. O espetáculo tem direção de Márcio Meirelles e é co-dirigido por Chica Carelli.

Eu já vi o espetáculo duas vezes e pretendo ir mais e mais vezes, pois é muito, muito legal. Considero esse um dos melhores trabalhos do Bando.

O espetáculo estreou em 1997, mas continua super atual. Uma outra coisa legal é que o figurino do Bando envolve várias marcas e estilistas que tem a pegada afro como marca registrada, o que é um diferencial.

Portanto, é um excelente programa para os finais de semana. Os ingressos custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia) às sextas. Sábados e domingos R$ 30 (inteira) e R$ 15  (meia).


Bença enfoca o respeito aos mais velhos

postado por Cleidiana Ramos @ 3:27 PM
12 de maio de 2011

Bença, espetáculo do Bando de Teatro Olodum está de volta. Foto: João Meirelles | Divulgação

Pessoal, olha só que legal: a nova temporada de Bença, espetáculo do Bando de Teatro Olodum, está de volta às sextas e sábados, ate o dia 29, no Teatro Vila Velha. No domingo, o espetáculo vai contar com a participação de representantes do candomblé de nação jeje da Bahia e do Maranhão.

A sessão especial, marcada para as 17 horas, vai ter representantes do Seja Hundê, também conhecido como Roça do Ventura, localizado em Cachoeira e considerado um dos mais antigos terreiros do Brasil; do Bogum, situado em Salvador; e da tradicional Casa das Minas, que fica no Maranhão. As apresentações nas sextas e sábados começam às 20 horas.

Bença celebra os 20 anos do grupo e faz uma homenagem ao respeito que se deve ter aos mais velhos.

Os ingressos custam R$ 40 ( inteira) e R$ 20 ( meia) todos os dias. Os 50 primeiros ingressos, de cada sessão serão disponibilizados a R$ 15 (preço único).   A promoção é válida até 24 horas antes de cada espetáculo.

Instituições e escolas terão descontos na compra acima de 20 ingressos. Cada ingresso ficará no valor de R$ 15 (preço único). Contatos pelo telefone: 71 -3083-4607

E-mail: bando2@gmail.com

Blog: www.bandodeteatro.blogspot.com


Festival reúne linguagens da cultura negra

postado por Cleidiana Ramos @ 6:18 PM
8 de novembro de 2010

O espetáculo Bença é um dos eventos do festival A Cena Tá Preta!. Foto: Walter de Carvalho | Ag. A TARDE

Neste novembro negro tem programação especial na área artística. Para comemorar seus 20 anos, o Bando de Teatro Olodum, em parceria com o Coletivo de Produtores Culturais do Subúrbio, está realizando, no Teatro Vila  Velha, o festival  denominado A Cena Tá Preta!

Diversas linguagens artísticas vão desfilar pelo palco. O festival  foi realizado pela primeira vez em 2003. Para conferir a programação é só clicar aqui.  


Bando encena Bença, seu novo espetáculo

postado por Cleidiana Ramos @ 1:28 PM
3 de novembro de 2010

Espetáculo traz junção entre atores e vídeos com líderes da cultura popular como Bule-Bule. Foto: Divulgação

Pessoal: depois de um feriado longo, com eleições no meio e os primeiros preparativos para o especial do Dia da Consciência Negra do Grupo A TARDE, o Mundo Afro tá de volta. E, para celebrar, uma ótima notícia: sexta-feira, às 20 horas, no Teatro Vila Velha, estréia o novo espetáculo do Bando de Teatro Olodum intitulado Bença.

A peça vai ficar em cartaz até o dia 28 de novembro e depois segue para o Rio de Janeiro, no período de 3 a 12 de dezembro (Teatro Tom Jobim- Jardim Botânico).

O espetáculo que comemora os 20 anos de formação do bando é centrado no respeito aos mais velhos, um elemento muito forte na cultura afro-brasileira.

A montagem faz uma interação entre atores e vídeos que trazem depoimentos de Bule-Bule, Cacau do Pandeiro, Dona Denir, Embomi Cici, Makota Valdina e Mãe Hilza, que são considerados guardiões da cultura popular.

A direção do espetáculo é de Márcio Meirelles.


Bando abre sua temporada de Verão

postado por Cleidiana Ramos @ 1:18 PM
6 de janeiro de 2010
O Bando de Teatro Olodum em cena de Cabaré da RRRRRaça. Foto:  Márcio Lima |Divulgação

O Bando de Teatro Olodum em cena de Cabaré da RRRRRaça. Foto: Márcio Lima |Divulgação

Como tem acontecido durante o período de verão, o Bando de Teatro Olodum retoma seus espetáculos no Teatro Vila Velha (Passeio Público, Campo Grande). A abertura da temporada é logo com Cabaré da RRRRRaça, que será apresentada nos dias 8 (próxima sexta-feira), 15 e 22 deste mês, sempre a partir das 20 horas.

Cabaré da RRRRRaça é o maior sucesso de público do Bando. Em forma de revista musical, o espetáculo discute questões como a presença do negro na mídia, religião, o mito que o coloca como objeto sexual, dentre outras. O espetáculo já foi visto por 37 mil pessoas ao longo dos seus 11 anos de existência. Além de ter sido apresentada em várias cidades brasileiras, a montagem já foi levada a Portugal e Angola.

O texto também permite interatividade com o público e já popularizou personagens como Luciano Patrocinado, Abará, o Negro Fudido, a cantora Flávia Carine, o homossexual Edileuza e a advogada Janaína.

Não tem como não se divertir com a peça. O número do Super Negão, por exemplo, é um dos mais engraçados e supreendentes (claro que não vou contar o motivo). Os personagens Edileuza e Janaína também arrebentam. 

O outro espetáculo que vai ser encenado pelo bando nesta temporada de verão é Áfricas, dirigido ao público infanto-juvenil. As apresentações serão nos dias 9 (sábado), 10 (domingo), 16, 17, 23 e 24 deste mês sempre às 16 horas.

No sábado, antes da encenação de Áfricas, haverá o lançamento do livro Minhas contas, do escritor Luiz Antonio. A obra foi finalista do prêmio Jabuti 2009 na categoria Melhor Livro Infantil. Por meio da história de dois amigos, o livro aborda a questão da intolerância contra as religiões de matrizes africanas.

O espetáculo apresenta contos e lendas da África Negra por meio do canto, dança e poesia. Áfricas é a primeira montagem infanto-juvenil do Bando.

Além dos espetáculos, o grupo continua trabalhando para a composição da sua nova montagem que vai enfocar o respeito as mais velhos na cultura negra. Estou na torcida para a volta também de Ó Paí Ó. Outras informações por meio do telefone 3083-4607.Os ingressos custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). 

 


Mais uma rodada do projeto Respeito aos Mais Velhos

postado por Cleidiana Ramos @ 10:01 AM
25 de novembro de 2009
Mãe Valnizia é uma das participantes da palestra organizada pelo Bando de Teatro Olodum. Foto: Rejane Carneiro| AG. A TARDE

Mãe Valnizia é uma das participantes da palestra organizada pelo Bando de Teatro Olodum. Foto: Rejane Carneiro| AG. A TARDE

Ontem consegui, mesmo em meio à correria característica da minha rotina neste mês de novembro, conferir a segunda parte do ciclo de palestras organizado pelo Bando de Teatro Olodum dentro do seu novo projeto intitulado  Respeito aos mais Velhos.

Foi muito legal a mesa formada pela professora Isabel Reis, pelo professor Jaime Sodré e por Jaime Cupertino, liderança quilombola da Comunidade de Vazante que fica em Seabra, na Chapada Diamantina. 

Antes que digam que não avisei sobre o evento, lembro que o anunciei aqui no Mundo Afro com antecedência. Mas quem quiser conferir ainda dá tempo: hoje, a partir das 19 horas, no Teatro Vila Velha, tem mais uma mesa com a presença de Mãe Valnizia de Ayrá, ialorixá do Terreiro do Cobre, do cineasta Antônio Olavo e da contadora de histórias, Raimunda da Paixão, moradora de Itiúba, localidade do sertão baiano.

O seminário Respeito aos Mais Velhos é uma etapa do projeto homômino que serve de base para a nova montagem do Bando. A estréia está prevista para 2010. A primeira etapa do seminário foi realizada nos dias 17 e 18. 


Começa o III Fórum Nacional de Performance Negra

postado por Cleidiana Ramos @ 6:58 PM
5 de julho de 2009
Bando de Teatro Olodum organiza o Fórum ao lado da Cia dos Comuns. Foto: Elói Corrêa | AG. A TARDE

Bando de Teatro Olodum organiza o Fórum ao lado da Cia dos Comuns. Foto: Elói Corrêa | AG. A TARDE

Começa amanhã, no Teatro Vila Velha, às 9 horas, o III Fórum Nacional de Performance Negra.

O encontro, organizado pelo Bando de Teatro Olodum e pela Cia dos Comuns do Rio de Janeiro vai discutir a questão da batalha para sobreviver dos grupos culturais negros.

O Fórum vai englobar, além das palestras, oficinas e espetáculos, com entrada gratuita.

Para ficar por dentro do que rola no encontro, que vai até quinta-feira, vale ficar atento à programação do Teatro Vila Velha. Clique aqui para conferir o site.