Seminário discute imprensa e diversidade étnico-racial

postado por Cleidiana Ramos @ 3:49 PM
23 de novembro de 2010

Seminário tem Jaime Sodré como um dos palestrantes. Foto: Gildo Lima| Ag. A TARDE

Neste novembro negro mais uma atividade para adquirir e aprimorar conhecimento. Amanhã, quarta-feira, numa parceria entre o Sindicato dos Jornalistas da Bahia (Sinjorba) e a Secretaria Municipal da Reparação (Semur) acontece, na Faculdade da Cidade, Comércio, a partir das 19 horas, o seminário Imprensa e Divesidade Étnico- Racial.

Na mesa estarão o historiador, professor universitário e religioso de candomblé, além de amigo do Mundo Afro, Jaime Sodré e a formanda em Jornalismo pela Faculdade Social da Bahia e integrante do Instituto Mídia Étnica, Juliana Dias.

O professor Jaime Sodré acompanha sistematicamente o discurso da imprensa em relação à questão étnico-racial, com destaque para a forma como a religiosidade originada dessa herança é tratada. Já Juliana tem como proposta do seu trabalho de conclusão de curso a elaboração de um manual para a prática do jornalismo étnico-racial.

Durante o evento, o Sinjorba e a Semur firmarão uma parceria para a elaboração de uma cartilha sobre o tratamento adequado às questões étnico-raciais e religiões de origem africana destinada a jornalistas.

Vale destacar que o Sinjorba é o primeiro sindicato de jornalistas, no Brasil, a implantar uma diretoria específica para tratar das questões de promoção da igualdade étnico-racial e de gênero.


Diretoria de gênero e igualdade no Sinjorba faz história

postado por Cleidiana Ramos @ 6:03 PM
1 de setembro de 2010

Daqui a pouquinho na Câmara de Vereadores acontece a posse da nova diretoria do Sindicato dos Jornalistas do Estado da Bahia (Sinjorba), com uma novidade histórica: pela primeira vez, dentre os cargos, está a Diretoria de Gênero e Igualdade.

O titular é o jornalista André Luiz Oliveira Santana e a suplente a jornalista Maíra Azevedo.

É um grande passo e uma iniciativa inédita que tinha de sair do Estado mais negro do País. Nada melhor do que a principal representação dos jornalistas no Estado estar atenta a duas questões tão cruciais para a população baiana.

Existem em outros sindicatos as comissões que se debruçam sobre o tema da igualdade, as chamadas Cojiras, mas diretoria específica a do Sinjorba é a primeira. Parabéns ao órgão.