Novo livro de Jaime Sodré

postado por Cleidiana Ramos @ 5:13 PM
14 de dezembro de 2010

O complexo campo das representações sociais e a sua consolidação no senso comum é o ponto de partida de uma análise criteriosa sobre a influência da imprensa baiana na construção de uma imagem distorcida do candomblé. Essa construção centrada não só em uma ideia de que a religião de matriz africana é um símbolo do mal ou só pode ser tratada de forma jocosa aparece desvendada no livro Da Diabolização à Divinização- a criação do senso comum, do pesquisador Jaime Sodré, que será lançado amanhã, no restaurante Aconchego da Zuzu (Garcia), às 18 horas.

Dominando uma metodologia múltipla que se aproxima da Antropologia e da História, o mestre em design, professor universitário e religioso do candomblé, desvenda também como essa própria imprensa é capaz de dissolver essa imagem negativa que construiu das religiões afro, embora essa ação tenha se dado numa dimensão menor.

“Para o desenvolvimento da análise desse trabalho sobre a imprensa soteropolitana em relação ao noticiário referente ao Candomblé, achei por bem delinear como se construiu essa relação, bem como as ações históricas responsáveis pelo crédito de tais conotações, e que, atravessando séculos, ainda interagem no cotidiano”, explica Sodré.

O autor aposta, com base em sua experiência de análise, que ainda é possível mudar  esse comportamento da imprensa. “A criação de um senso comum de representações negativas chamadas de diabolização, desfavorável à religião do Candomblé, poderia evoluir para uma situação que denominamos divinização. A divinização servirá para configurar situações de representações sociais positivas, veiculadas pela imprensa, que impliquem numa transformação do senso comum”, acrescenta.

O livro traz exemplos de matérias consideradas negativas, mas também das positivas. O levantamento é capaz de levar à reflexão sobre o comportamento de um importante segmento social, a imprensa, em relação à religiosidade afro-brasileira, um dos mais fortes elementos representantivos da identidade baiana.

O quê: Lançamento do livro Da Diabolização à Divinização- a criação do senso Comum, de Jaime Sodré
Quando: 15/12, 2010 (amanhã), às 18 horas
Onde: Restaurante Aconchego da Zuzu- Rua Quintino Bocayuva nº 18 (fim de linha do Garcia)
Editora: Edufba

Tags: , , , , , , ,

Deixe seu comentário