Autor quer eliminar cabelo black de novela

postado por Cleidiana Ramos @ 6:45 PM
21 de outubro de 2013
Autor quer que ator mirim corte o cabelo black. Foto: Divulgação

Autor quer que ator mirim corte o cabelo black. Foto: Divulgação

As telenovelas são uma paixão nacional e mexem muito com todo mundo. Por isso mesmo essa confusão arrumada por Walcyr Carrasco, autor de Amor à Vida, veiculada pela Rede Globo,  merece mais um pouco de atenção.

O autor que está se notabilizando por perder a mão com o que começa como boa ideia, exigiu, segundo vários blogs e sites especializados, que cortem o cabelo do ator que faz o menino órfão Jayminho (Kaiky Gonzaga).

Na trama do chamado horário nobre da Globo, Jayminho é adotado pelo casal homoafetivo Niko (Thiago Fragoso) e Eron ( Marcello Antony).

Chateado com as críticas depois que a história da exigência do corte de cabelo vazou, o autor ameaçou interromper a história na novela. Segundo ele, o menino precisa passar por mudanças pois quando uma criança é adotada ganha roupas novas e brinquedos. Disse ainda que está mais preocupado em mostrar um garoto negro sendo adotado por um homem branco.

O problema que vejo nessa frase de Walcyr Carrasco é extamente o que ele não disse. O menino adotado muda, ganha roupas novas e o complemento possivelmente seria “não pode ter um cabelo como aquele”.

O que a gente pode imaginar da frase inacabada do autor é que o cabelo natural de um menino negro e preservado como tal só pode ser indício de menino que vive em um orfanato.

O problema é que o dono desta conclusão trabalha com um produto que cativa milhões de brasileiros e vende na cifra de milhões. Portanto, o que a gente está entendendo nessa entrelinhas é que um personagem negro para ser “engolido” no horário nobre da Globo tem que ser “embranquecido” e negar sua identidade negra quando melhora o padrão de vida.

Um menino negro, mesmo adotado, não pode manter o cabelo “black” porque isso é símbolo de pobreza e de rejeição. O personagem já disse que várias pessoas desistiram de adotá-lo.

É preocupante essa postura do autor que, aliás, vem retrocendo no que pretendia mostrar como avanços. No caso do casal em questão, por exemplo, já arrumou uma mulher para um dos parceiros se envolver que é Amarilys vivida por Danielle Witinis.

Embora o casal homoafetivo tenha aparecido como bem resolvido e apaixonado, nas brigas entre Niko e Amaralys Eron sempre fica a favor da moça.  Já foi divulgado em sites especializados que Eron vai preferir Amarilys.

O outro homossexual da novela, Félix, vivido por Mateus Solano, também já se sabe que vai abandonar o namorado que foi o estopim para que assumisse seu desejo por homens para ficar com a esposa.Parece que Walcyr Carrasco começa as polêmicas, mas não sabe como enfrentá-las.

Em tempo: o autor parece ter uma obsessão  com os cabelos dos atores e atrizes da sua novela. A outra confusão foi com  Marina Ruy Barbosa que não quis cortar os longos cabelos ruivos para o período em que sua personagem faria tratamento contra um câncer. Resultado: ele matou a personagem e a obrigou a vagar, em algumas cenas, como um fantasma.

Tags: , ,

Deixe seu comentário