Ilê em compasso de espera

postado por Cleidiana Ramos @ 7:27 PM
21 de setembro de 2009
Uma bela imagem de Vovô junto a Mãe Hilda feita no ano passado. Foto: Fernando Vivas|AG. A TARDE

Uma bela imagem de Vovô junto a Mãe Hilda feita no ano passado. Foto: Fernando Vivas|AG. A TARDE

O Ilê Aiyê, como já era esperado, suspendeu todos os eventos da Semana da Mãe Preta que seriam realizados a partir de hoje. As atividades homenageavam Mãe Hilda e aconteciam todos os anos.

A suspensão inclui o show da Band´Aiyê no sábado tendo a cantora pernambucana Lia de Itamaracá como convidada especial, evento também cancelado.

Os ritos de despedida a Mãe Hilda foram extremamente emocionantes. Só após este período de ritos religiosos internos e públicos no terreiro  Ilê Axé Jitolu é que os diretores da instituição vão se posicionar sobre questões como o primeiro desfile do bloco sem Mãe Hilda.


Ilê Aiyê está em silêncio por Mãe Hilda

postado por Cleidiana Ramos @ 2:04 PM
19 de setembro de 2009
Mãe Hilda faleceu às 10h30 de hoje. Foto: Edmar Melo|AG. A TARDE| 25.2.2006

Mãe Hilda faleceu às 10h30 de hoje. Foto: Edmar Melo|AG. A TARDE| 25.2.2006

O grupo cultural Ilê Aiyê está de luto. Faleceu, hoje, às 10h30, sua líder espiritual, Mãe Hilda Jitolu.

Segundo Vovô, Mãe Hilda estava internada desde o último dia 7 por problemas cardíacos e acabou contraindo uma pneumonia.O sepultamento será amanhã no Jardim da Saudade, mas ainda não tem horário confirmado.

Mãe Hilda era a grande incentivadora dos projetos culturais do Ilê Aiyê e tinha um carinho especial pela escola que, não à toa, leva seu nome.

Além da educação formal, os alunos da Escola Mãe Hilda recebem formação artística e de cidadania. A instituição é também uma das referências no ensino de História da África e Cultura Afro-Brasileira.

Era também Mãe Hilda, consagrada a Obaluaê, quem presidia a belíssima cerimônia religiosa antes do desfile do Ilê no sábado de Carnaval.